Pular para o conteúdo principal

Nostalgia 2017: Verdades Secretas


Dia 8 de junho de 2015 estreou Verdade Secretas. A trama de Walcyr Carrasco chamou atenção desde antes da sua estreia pela sua história, onde mãe e filha se envolviam com o mesmo homem. Uma história sobre o outro lado do mundo da moda, drogas e prostituição.

A primeira novela original do horário das 23h contava com Marieta Severo, Camila Queiroz, Rodrigo Lombardi, Drica Moraes, Grazi Massafera, Reynaldo Gianecchini, Rainer Cadete e Agatha Moreira e grande elenco. 


A novela que teve 64 capítulos e foi um grande sucesso de audiência e repercussão. Camila Queiroz e Grazi Massafera foram os dois destaques da trama. A primeira em seu primeiro papel na televisão, segurou o posto de protagonista, e Grazi como a modelo que se prostituía e acabava entrando no mundo das drogas. A atriz foi indicada ao Emmy Internacional na categoria de melhor atriz pelo papel.

A trilha sonora da trama era outro ponto alto, assim como a direção de Mauro Mendonça Filho. Seu último capítulo foi um dos mais comentados nos últimos anos, todos queriam saber qual seria o final de Carolina (Drica Moraes), Angel (Camila Queiroz) e Alex (Rodrigo Lombardi). Todos queriam saber qual seria o destino da jovem Larissa (Grazi Massafera)


Emocionante, dramático, inovador. A trama terminou sendo mais um sucesso no currículo de Walcyr Carrasco, e com certeza foi a melhor novela das onze. O sucesso foi tanto que apenas pouco mais de um ano após seu término, a Rede Globo lançou a trama em DVD. A trama foi vencedora do Emmy Internacional na categoria de Melhor Novela.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Retrô: Relembre os desenhos animados dos anos 80

Muitos dizem que a década de 1980 foi a melhor. Olhando um pouco a história dos anos 80 fica difícil discordar que pelo menos foi uma época muito alegre e carismática, com muitas baladas, músicas, filmes, jogos, brinquedos, cabelos e roupas extravagantes. Os ecos dos anos 80 são ouvidos até hoje na nossa cultura e na nostalgia de muitos que a viveram!  Muitos desenhos animados daquela época, ainda são febre entre o adultos hoje em dia.

Se você foi criança nos anos 80 e 90, provavelmente, passava muitas horas em frente à TV assistindo desenhos animados, certo? O Jurandir Dalcin Comenta fez uma galeria especial com todos esses programas que entretiam os pequenos durante a infância. 


Os Smurfs

A produção foi entre 1981 e 1989 do desenho Os Smurfs, e é marcante lembrança dos anos 80. Foram 250 episódios com divisão por 9 temporadas, apresentando os duendes azuis que moravam em casinhas de cogumelos, em Vila Escondida. O desenho foi transmitido no Balão Mágico, e Xou da Xuxa, até começo da d…

Solta o Som 2016: Maiara e Maraisa - Ao Vivo em Goiânia

Alguém me ajuda a parar de ouvir esse álbum? Por favor!  Maiara e Maraisa chegaram aos meus ouvidos quando a música 10% estourou e quando ouvi o álbum delas primeira vez foi paixão à primeira vista. Nunca mais parei! Gosto das letras, gosto da voz. O último álbum lançado delas é o ao vivo em Goiânia, já ouvira? Apertem o play:
Minhas faixas favoritas do álbum são: Você se transformou, 10%, Se olha no espelho, No dia do seu casamento, Fala a verdade, Dois idiotas, Medo bobo.

Resenha Musical: Ana Muller canta suas dores e amores em ótimo EP

Resenha do Álbum Título: Ana Muller Artista: Ana Muller Ano de Lançamento: 2017 Gravadora: Garimpo Brasileiríssimos Avaliação: 🌞🌞🌞🌞🌞

Acabou de ser lançado o primeiro EP de Ana Muller (Garimpo Brasileiríssimos, 2017) com cinco faixas. Todos que acompanham a jovem no youtube devem ter ficado muito satisfeitos com esse trabalho, já que as faixas já conhecidas, agora foram gravadas com todos os instrumentos, e todas as inéditas seguem a veia romântica da cantora. Não Vá Embora (Ana Muller, 2017) é uma das faixas inéditas, e fala sobre um sentimento que está começando, e pode-se dizer que é uma das mais belas já interpretadas por Ana. Me Cura (Ana Muller, 2016) é o primeiro single do álbum, com uma pegada diferente da anterior, mas ainda assim falando sobre amor, só que dessa vez sobre o que uma pessoa causa na outra com uma pegada mais pop, com um refrão que fica na cabeça. Escopo (Ana Muller, 2014) é a terceira faixa, já conhecida, mas agora tem uma nova roupagem. A letra fala sobre o fim…