Resenha Musical | Luan Santana faz um bom trabalho com álbum que homenageia as mulheres


Resenha do álbum
Título: 1977
Artista: Luan Santana
Ano de lançamento: 2016
Gravadora: Som livre
Avaliação: 🌞🌞🌞🌞

Quando surgiu Luan Santana parecia apenas mais um entre tantos surgindo na música sertaneja, mas após quase dez anos ele cresceu e conseguiu mostrar que era muito mais que apenas mais um, e mostrou toda a sua evolução à cada trabalho, e com o 1977 (Som livre, 2016) não foi diferente.
Luan Santana vai muito além de músicas com refrões chicletes nesse novo álbum. O cantor consegue diversificar com canções mais ousadas e outras bem românticas, e as participações especiais deram um brilho e uma emoção à mais para o projeto. Dia, hora e lugar (Luan SantanaDouglas César, 2016) é uma canção romântica com uma letra bem clichê, mas isso não é ruim, muito pelo contrário, ela é uma das canções mais bonitas da discografia do cantor. Eu, você, o mar e ela (Luan Santana; Dudu BorgesDouglas César2016) e Acordando o prédio (Douglas César2016) diferentes da primeira, tem uma letra mais sexista, sendo essa segunda uma das melhores do álbum. Estaca zero (Breno CesarMarcia AraujoVinicius PeresDiego MonteiroCaio Cesar2016) tem a participação de Ivete Sangalo e é uma balada romântica, saindo um pouco do que a cantora está acostumada a gravar, e a música juntamente com Plano da meia-noite (Luan SantanaAna CarolinaDouglas César, 2016), que tem a participação de Ana Carolina, são boas, mas são as mais fracas se compararmos com Fantasma (Mateus Aleixo2016) que é de longe a melhor música do álbum, com quem divide os vocais com Marília Mendonça, e Mesmo sem estar (Humberto TavaresJefferson Junior, 2016), canção linda em uma interpretação linda do cantor com SandyAnitta em Rg (Luan SantanaMateus AleixoRafael TorresFelipe Oliver, 2016) mostra seu lado mais romântico, e Camila Queiroz mostra sua voz doce em Amor de interior (Diego de PaulaThiago Maximino2016), música linda que fecha o álbum.
Luan Santana vai conquistando muito mais fãs e mostrando que é um artista que vai além do sertanejo, mas sem negar e nem deixar de lado o estilo que lhe deu a fama, muito pelo contrário, esse é um álbum sertanejo sim, mas um álbum que sai da zona de conforto, do óbvio.
Esse ser o melhor trabalho do cantor não é querer dizer que os anteriores são ruins, mas sim, que há cada projeto lançado, Luan se supera e faz ser melhor que o anterior. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.