Review | The 100 4x02: Heavy Lies the Crown


Após um retorno fraco, The 100 nos apresenta um segundo episódio superior, e que deixa muito bem explícito o que a série está querendo tratar nesse início de temporada.

No início da série julgávamos o fato de Jaha (Isaiah Washington) matar seu próprio povo, mas nunca tentamos entender que como o chanceler, ele tinha prioridades, e em um mundo como o de The 100, alguns sacrifícios são necessários para o bem maior, e é isso que trataram nesse episódio, seja com Clarke (Eliza Taylor) tentando achar um jeito de salvar todos, e Bellamy (Bob Morley) indo na arca com a missão de recuperar o fazedor de água.
E no caso de Bellamy, eles foram mais a fundo, fazendo o garoto decidir entre explodir a única esperança deles, para salvar os escravos que ali estavam vivendo. E quando ele salva as 25 pessoas, ele assina a sentença de morte de 500. Tudo bem, sabemos que há muito sangue na mão do garoto, mas essa não foi uma decisão sábia, e deve ter muitas consequências. 

Leia também: "Crítica | Com Tiago Leifert, Big Brother Brasil ganha novo fôlego"

E falando em consequências, após Bryan (Jonathan Whitesell) ficar ao lado de Bellamy, e votar para salvar as pessoas, enquanto Miller (Jarod Joseph) achava melhor levar o fazedor de água, ambos entram em uma crise pior do que já estavam. O casal foi uma das surpresas nesse episódio, e na temporada passada, espero que continuem tendo destaque daqui pra frente. 

Nesse episódio conhecemos o Ilan (Chai Romruen), que quer vingança contra o povo do céu, já que o mesmo matou sua família quando estava sob o controle de ALIE (Erica Cerra). O personagem até agora não teve muito tempo em tela, mas é bem promissor. Na cena final em que ele acusa Octavia (Marie Avgeropoulos) de ter matado Raphael, senti que o mesmo pode ser um novo par romântico para a personagem, que desde que Lincoln morreu se transformou em outra pessoa. 

Leia também: "Review | Grey's Anatomy 13x12: None of Your Business"

Falando em Octavia, ela é a única na série que apesar de ter se tornado uma pessoa sombria, toma as decisões certas. O momento em que ela mata Raphael, de um jeito que todos pensem que ele morreu de forma natural, foi genial. A personagem é ou não é a rainha da série?!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.