Novela Escrita | Redescobrir - Último Capítulo


CENA 1 - EXT. / RINCÃO/FACHADA DA CASA DA LAGOA - NOITE.

SABRINA continua se debatendo na água. JONAS percebe o que está acontecendo e pula na água para tentar salva-la. A música para. YURI transtornado sai do local da festa. JONAS consegue tirar SABRINA desacordada da água com a ajuda de RENAN e RODRIGO. VANESSA volta por conta dos gritos e se desespera ao ver a amiga desacordada.

VANESSA: O que aconteceu com ela? O que aconteceu?

RENAN: Ninguém viu direito mas parece que ela caiu na lagoa durante uma discussão com o Yuri.

VANESSA: Cadê aquele desgraçado? Alguém chama uma ambulância, por favor.

RODRIGO: Pode ficar tranquila que eu já chamei. 

JONAS faz sem sucesso respiração boca a boca em SABRINA.

VANESSA (chorando): Por favor, não faz isso comigo!

JONAS continua tentando reanima-la. Corta para:


CENA 2 - EXT. / CARRO DE YURI - NOITE.

YURI bêbado bate no volante com raiva.

YURI (chorando): O que você fez? O que você fez? Seu idiota! 

Ele olha para o lado e acha uma garrafa de vodca. Ele pega a garrafa e sai com carro em alta velocidade. Corta para:


CENA 3 - INT. / CASA DOS MARINHO/SALA DE ESTAR - NOITE.

NORBERTO se levanta do sofá com a arma apontada em sua cabeça.

NORBERTO: Você achou que tinha se livrado de mim? Mas eu voltei para pegar o que você me roubou! 

OTÁVIO: Eu não tenho aquela quantia em dinheiro, Norberto. Não faz nada que você possa se arrepender depois. Você não é um assassino!

NORBERTO: Como você sabe? Você nem me conhece! Minha cara está estampada em todas as páginas policiais. Você destruiu a minha vida e agora eu vou destruir a sua.

OTÁVIO: Não faz nada de cabeça quente, por favor. Pensa que você não vai conseguir se livrar se fizer essa besteira. Eu tenho um filho, Norberto. Por favor.

NORBERTO: Você não pensou nisso quando denunciou todos que jogavam em uma mesa com você. E denunciou porque? Porque perdeu! Se não, estava lá até hoje.

OTÁVIO: Eles já estavam investigando vocês, eu só ajudei. Com a minha ajuda ou não eles teriam prendido todos.

NORBERTO: Você vai me dizer onde fica o cofre e a senha, eu vou pegar todo o dinheiro que você tem e vou sair por aquela porta. 

OTÁVIO: Pode pegar o que você quiser, eu não vou te impedir.

NORBERTO: Eu vou sair por aquela porta, mas você não vai estar vivo para ver.

A campainha toca e NORBERTO se assusta.

NORBERTO: Quem você está esperando?

OTÁVIO: Eu juro que não estou esperando ninguém.

NORBERTO: Eu vou ficar aqui e você se livra de quem quer que seja, e qualquer movimento, eu atiro em você e em quem for. Entendeu?

OTÁVIO: Tá bom, eu entendi.

NORBERTO se esconde atrás de uma parede e OTÁVIO vai abrir a porta. Corta para:


CENA 4 - EXT. / RINCÃO/FACHADA DA CASA DA LAGOA - NOITE.

JONAS continua tentando reanimar SABRINA. A ambulância e os policiais chegam. SABRINA reage jogando a água pra fora.

VANESSA: Graças a Deus você está viva.

Os paramédicos vão até ela e a socorrem, colocando-a na ambulância. O pai de SABRINA, Leonel, chega.

LEONEL: Cadê a minha filha? 

POLICIAL 1: Você é o responsável pela festa?

LEONEL: Eu sou responsável pela casa, mas eu não sabia de festa nenhuma. Eu recebi uma mensagem de um colega de minha filha e vim correndo para cá. Como a minha filha está?

VANESSA vai até LEONEL nervosa.

VANESSA: O Yuri mais uma vez, Leonel. Ela quis terminar com ele e ele não aceitou bem, acabou que no meio da briga ela caiu na lagoa e ele fugiu. 

LEONEL: Mas porque ela foi terminar com o Yuri? Um rapaz tão responsável?

VANESSA: Como você tem coragem de dizer isso em voz alta? Sua filha é maltratada desde o início por aquele garoto que você insiste em dizer que é bom partido. Se algo mais sério acontecer com ela hoje, ninguém é mais culpado do que você. 

LEONEL fica sem palavras e VANESSA sai. Corta para: 


CENA 5 - EXT. / ESTRADA/CARRO DE YURI - NOITE.

YURI em alta velocidade chorando e bebendo. 


FLASHBACK DA CENA 10 DO CAPÍTULO 14: EXT. / RINCÃO/FACHADA DA CASA DA LAGOA - NOITE. (ADAPTADO)

SABRINA (grita): Eu quero que você me largue agora!

SABRINA tenta se livrar de YURI mas acaba se desequilibrando e caindo na lagoa. 

SABRINA (se debatendo na água): Eu não sei nadar, Yuri. Socorro!

FIM DO FLASHBACK.


Ao som de "Hall Of Fame - Gavin Mikhail", YURI perturbado com o que aconteceu e bêbado, não percebe a curva e acaba saindo da estrada capotando o carro inúmeras vezes. Após o carro parar de cabeça para baixo, foca no rosto do jovem ensaguentado e ele desacordado. Corta para:


CENA 6 - INT. / CASA DOS MARINHO/SALA DE ESTAR - NOITE.

OTÁVIO abre a porta e SORAIA entra na casa.

OTÁVIO: O que você está fazendo aqui?

SORAIA: Cadê o Norberto? 

NORBERTO: Soraia?

SORAIA vai até NORBERTO e o beija.

SORAIA: Eu pensei que você nunca mais viria me buscar.

NORBERTO: O que você está fazendo?

SORAIA: Eu vou fugir com você, Norberto. Nada mais me prende aqui. Eu vi você mais cedo rondando a casa do Otávio. Esse desgraçado me expulsou de casa, estou vivendo em um quartinho na pensão aqui da rua. Por favor, me leve com você.

OTÁVIO: Você é inacreditável, Soraia. Como você tem coragem?

SORAIA: Como você e meu próprio filho tiveram coragem? Vocês me passaram para trás.

NORBERTO: Ouviu o que a dona falou né? Pega a grana que a gente tem que dar um fora daqui!

NORBERTO volta a apontar a arma para OTÁVIO e os três sobem as escadas em direção ao quarto dele. OTÁVIO abre o cofre e NORBERTO joga uma mochila para ele.

NORBERTO: Ladrão que rouba ladrão tem cem anos de perdão, né?!

OTÁVIO termina de colocar o dinheiro na mochila e os três descem as escadas.

SORAIA: Eu nem acredito que vou sair dessa miséria. 

NORBERTO: Cadê a chave do seu carro? 

OTÁVIO aponta para a mesa. NORBERTO pega a chave e chega mais perto de OTÁVIO com a arma.

NORBERTO: Chegou a tua hora!

NORBERTO puxa o gatilho da arma. Corta para:


CENA 7 - INT. / LANCHONETE CONVERSA FIADA - NOITE.

THIAGO bebendo uma cerveja quando é surpreendido por VALENTINA.

VALENTINA: Parece que virou rotina te encontrar aqui né?

THIAGO: Geralmente eu não venho aqui final de semana, então pode ser que hoje eu tenha vindo de propósito.

VALENTINA: De propósito? Bom saber!

DILCE percebe uma movimentação estranha e vai até a rua. THIAGO e VALENTINA vão até ela. Corta para:


CENA 8 - INT. / CASA DOS MARINHO/SALA DE ESTAR - NOITE.

SORAIA chega perto de NORBERTO e fala em seu ouvido.

SORAIA: Se você fizer isso vou ter que ficar com meu filho. Você não precisa sujar suas mãos com ele. Vamos embora, deixe ele pra trás.

NORBERTO: Eu vim aqui para fazer isso, Soraia. Que homem eu seria se não fizesse? Olha o que ele fez com a minha vida?

SORAIA: Não vale a pena, só vamos embora. Por favor! Estou pedindo pelo meu filho. Eu vou com você para onde quiser.

NORBERTO dá com a arma na cabeça de OTÁVIO que cai desacordado. Corta para:


CENA 9 - EXT. / FACHADA DA CASA DOS MARINHO/CARRO/RUA - NOITE.

NORBERTO e SORAIA saindo da casa de OTÁVIO, mas ao chegar no final da rua são abordados por duas viaturas da polícia.

NORBERTO: Droga!

NORBERTO tenta dar ré mas é impedido por mais duas viaturas.

NORBERTO: O que está acontecendo?

NORBERTO vai pegar a arma e percebe que SORAIA a pegou. Ela aponta para ele.

SORAIA: Sai do carro agora!

NORBERTO: O que você está fazendo?

SORAIA: Eu vi você rondando a casa desde cedo, não ia deixar meu filho correndo perigo.

NORBERTO: Você me traiu?

SORAIA: Eu nunca estive do seu lado. Você achou mesmo que eu ia fugir com você? Coitado. Agora sai do carro!

NORBERTO sai do carro.

POLICIAL 1: Mãos na cabeça! O senhor está preso.

NORBERTO é algemado e levado pela polícia. DILCE vai até SORAIA.

DILCE: O que está acontecendo?

SORAIA: Uma longa história, mas não posso contar agora.

SORAIA entra no carro. Corta para:


CENA 10 - INT. / CASA DOS MARINHO/SALA DE ESTAR - NOITE.

OTÁVIO acorda ainda meio grogue e dá de cara com SORAIA sentada no sofá.

OTÁVIO: O que... o que você está fazendo aqui?

SORAIA: Você magoou meu coração ao acreditar que eu ia fugir com aquele homem. 

OTÁVIO: O que você está fazendo? O que aconteceu?

SORAIA levanta e joga a mochila em cima de OTÁVIO.

SORAIA: O Norberto está preso, nem precisa me agradecer que eu mesma já me presenteei com algumas notinhas que estavam na mochila. Prometo que você nem vai sentir falta.

SORAIA vai em direção à porta.

SORAIA: Manda um beijo pro Rodrigo. Diz que eu o amo!

SORAIA sai e OTÁVIO se levanta ainda meio zonzo. Corta para:


CENA 11 - INT. / HOSPITAL/QUARTO - DIA.

SABRINA se preparando para ir embora. LEONEL chega e abraça a filha.

LEONEL: Nunca mais me dê um susto desses, viu? E me desculpa por não ter percebido o quanto você era infeliz com o Yuri.

SABRINA: Não precisa se desculpar, pai. Só sei que eu não quero saber de namorar tão cedo.

LEONEL: Eu espero mesmo! Mas, eu preciso que você sente.

SABRINA: O que aconteceu?

LEONEL: Senta pra gente conversar.

SABRINA se senta na cama.

LEONEL: Ontem depois de tudo o Yuri saiu de carro... ele estava bêbado e acabou sofrendo um acidente.

SABRINA (preocupada): Onde é que ele tá, pai? Em que hospital ele tá? Ele tá bem? Eu quero ver ele. Eu sou a culpada né? 

LEONEL abraça a filha para tentar acalma-la.

LEONEL: Infelizmente ele...

SABRINA chora sem parar.

SABRINA: Não era pra ser assim, pai. Eu não queria isso. 

LEONEL: Ninguém queria que isso acontecesse, minha filha. Mas você não deve se culpar por isso. É uma tragédia mas ninguém tem culpa pelo que aconteceu.

LEONEL continua abraçando SABRINA e tentando acalma-la. Corta para:


CENA 12 - INT. / COLÉGIO DIAS GOMES/PÁTIO - NOITE.

MESES DEPOIS

Com a música "Chasing Cars - Sleeping At Last" vimos imagens intercaladas de SABRINA, RENAN, RODRIGO, JONAS, VANESSA e outros alunos recebendo os diplomas emocionados. Corta para:


CENA 13 - INT. / COLÉGIO DIAS GOMES/PÁTIO - NOITE.

Na festa de formatura RENAN e ISABELA dançam felizes.

RENAN: Eu falei que a gente ia se formar juntos, lembra?

ISABELA: Eu lembro! (chorando) Para tudo estar perfeito eu só queria que ela estivesse aqui!

RENAN: Mas ela está!

ISABELA: Eu sei que sim, mas eu queria tanto abraça-la. Sentir o seu cheiro. Ouvir a sua voz, sabe? Eu pensei que ia superar com o passar do tempo, mas faz quase um ano e eu ainda sinto a mesma dor.

RENAN: Eu não posso nem imaginar o quanto dói, mas eu acho que superar você nunca vai conseguir, a gente só aprende a viver com a dor que a ausência de tal pessoa causa.

ISABELA: Obrigado por estar comigo! Obrigado por sempre estar comigo! Eu te amo demais.

RENAN: Eu amo você pra sempre! Sempre!

Ele a pega no colo e os dois se beijam. Corta para: 


CENA 14 - INT. / COLÉGIO DIAS GOMES/PÁTIO - NOITE.

VALENTINA e THIAGO dançando e ele observa ISABELA e RENAN.

THIAGO: Eu nunca vou me acostumar em ver minha filha beijando outro rapaz.

VALENTINA: Deixa de ser careta, Thiago!

THIAGO: Careta? Eu? Você sabia que os dois moram no mesmo apartamento comigo?

VALENTINA: Eu sei, né! Estou falando para não ficar secando os dois, deixa eles curtirem a festa.

THIAGO: Eu sinto tanto orgulho da minha filha. Quando ela chegou aqui era uma menina com medo da vida, com medo do novo. Olha só o quanto ela amadureceu nesse último ano.

VALENTINA: Pelo pouco que conheço posso ver que ela é uma garota com um futuro lindo pela frente. Com toda a certeza vai te dar muitas alegrias.

THIAGO abraça VALENTINA e a beija.

THIAGO: E eu vou compartilhar todas elas com você, meu amor!

VALENTINA: Eu espero que sim!

Os dois se beijam apaixonados. Corta para:


CENA 15 - INT. COLÉGIO DIAS GOMES/PÁTIO - NOITE.

A música "Mesmo Sem Estar - Luan Santana part. Sandy" começa a tocar e os casais começam a dançar juntinhos. JONAS e RODRIGO começam a dançar também.

JONAS: Quem diria que a gente iria terminar o ensino médio como namorados, né?

RODRIGO: Quem diria que eu me tornaria o garoto mais sortudo dessa cidade, né?

JONAS: Eu não consigo escutar essa música sem ter um filme rodando na minha cabeça.

RODRIGO: E o gênero desse filme qual seria?

JONAS: Romance. Um desses romances de arrepiar, sabe? Um pouco clichê, eu confesso.

RODRIGO: Eu sempre fui fã de histórias clichês.

JONAS: Será que você vai ser apaixonado por mim daqui há 60 anos? Quando eu for um velhinho rabugento?

RODRIGO: Eu nunca vou sentir o que eu sinto por você por mais ninguém. Tenho certeza que é com você que eu quero dividir todos os minutos da minha vida. Então a reposta é sim, eu vou estar apaixonado por você daqui há 60 anos. Eu vou estar apaixonado por você enquanto eu respirar.

Os dois se beijam apaixonados. Corta para:


CENA 16 - INT. / COLÉGIO DIAS GOMES/PÁTIO - NOITE.

SABRINA e VANESSA dançando juntas e felizes.

SABRINA: Quanta coisa aconteceu esse ano, né?!

VANESSA: Eu nem acredito que acabou.

SABRINA abraça VANESSA.

SABRINA: Obrigado por estar do meu lado sempre!

VANESSA: Isso é só começo amiga! A partir de agora, uma nova fase começa!

As duas voltam a dançar. Corta para:


CENA 17 - EXT. / PRAIA DO IRÓ - DIA.

O dia amanhecendo. RODRIGO, JONAS, RENAN e ISABELA correm em direção à água ainda com a roupa da festa de formatura. Os quatro começam a jogar água um no outro, felizes.

ISABELA: Quando eu cheguei aqui, não imaginava que seria tão feliz. Apesar de não ter sido por um bom motivo, eu agradeço muito por ter vocês na minha vida. E que esse seja o início de uma fase de muita alegria, amizade e amor. Viva a nossa amizade e o nosso amor. 

Os quatro se abraçam formando um círculo e começam a pular comemorando. Corta para:


FIM

agradecimentos:
Ao colocar um ponto final nas minhas outras histórias sentia um alívio. O motivo? Eu começava a escrever por gosto, mas do meio para o final perdia o interesse e escrevia por obrigação. É por isso que eu falo que REDESCOBRIR é a minha primeira história de verdade. Além de ter cuidado de cada detalhe e ter seguido as regras de um roteiro, eu termino ela com um aperto no coração. Eu já sinto falta de Isabela, Rodrigo, Renan e Jonas. De todos, mas desses em especial. Eu pensei sim em fazer uma segunda temporada, estou escrevendo esse recado um dia antes de colocar o último capítulo no ar, mas acho que não seria uma boa ideia. OU SERIA? NÃO SEI, TO CONFUSO! Porque não encerrar da forma que foi planejado? Porque prolongar e correr o risco de tirar a boa impressão que ficou durante esses 15 capítulos? Então, por via das dúvidas, segunda temporada está descartada. Agradeço todos que leram minha história! Obrigado por cada acesso e comentário. Eu realmente me surpreendi com a participação de cada um e com o número de pessoas que foram alcançadas com a minha história. Um obrigado em especial ao meu parceiro, Klis, que foi o meu ouvinte durante os cinco meses que fiquei escrevendo, sempre me ajudando a seguir o melhor caminho, então de alguma forma, essa história também é sua. Enfim, muito obrigado por todos que me fizeram sentir essa sensação de dever cumprido.

E não esqueçam de me contar o que acharam do final, ok? Quero muito saber se vocês curtiram, se fariam diferente... Até a próxima! E vocês querem uma segunda temporada?

6 comentários:

  1. Meu deus do céu, que final foi esse? Adorei cada detalhe desse final, só fiquei com a dúvida do Yuri, ele morreu? Aguardando ansiosamente a continuação 😌❤👏👏👏

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, ele morreu no acidente! Muito obrigado por acompanhar amigo, feliz demais por ter curtido <3

      Excluir
  2. Adorei esse último capítulo. Muito bem escrito. Os personagens tiveram bons desfechos. Que bom que Jodrigo terminaram juntos e felizes. Me surpreendeu a atitude da Soraia. Vou sentir saudades dessa história e desses personagens que tanto gostei. Parabéns pelo trabalho e um forte abraço, Jurandir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Feliz demais que tenha gostado da história e do desfecho. Muito obrigado por ler e dar vida aos meus personagens. Abração e até a próxima!

      Excluir
  3. Adorei o final!!! O clube dos 4 foi o que mais torci. Soraia fez algo decente no fim das contas, né non.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Feliz por ter curtido o final! MUITO obrigado por acompanhar mais essa história. Até a próxima! ;)

      AH, e a coluna "Novela Escrita" está aberta para você. Fica a dica, rs.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.